domingo, 15 de janeiro de 2017

Declaração do ministro da Justiça sobre o RN ao Jornal Nacional saiu defasada.

A declaração do ministro da Justiça, Alexandre Morais, no Jornal Nacional, sobre a rebelião no presídio de Alcaçuz, foi defasada…

Morais dizia que esperava um pedido para tomar providências, só que quando o JN foi ao ar o governador Robinson Faria já tinha falado com o ministro.

E feito pedidos.

E duas vezes.

No Jornal Nacional parte da declaração estava vencida.

Veja o que disse o ministro da Justiça:

“Nós estamos aguardando eventualmente o pedido de algum auxílio. Obviamente, em havendo esse pedido, o auxílio será imediato. O sistema está superlotado há muito tempo. Eu costumo repetir: não há passe de mágica para solucionar um problema crônico no Brasil, um problema que governo após governo vem se ampliando, nós temos aproximadamente hoje 650 mil presos com um déficit de quase 300 mil vagas. Obviamente, isso acaba tornando o sistema um barril de pólvora. Nós já anunciamos que vamos criar 27 núcleos de inteligência, um em cada estado. Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Civil, Polícia Militar e agentes do sistema penitenciário”.


EmoticonEmoticon

Arquivo do blog